domingo, 8 de agosto de 2010

A leveza dos amantes

Leve é o meu corpo
quando os teus passos
descobrem os meus braços,
descem pelas costas
ao encontro dos meus desejos
e te deitas
no fervor dos amantes
nos lençóis de uma lua
que abençoa as paixões!

Os lábios recitam
nos poros da alma
jubilo carnal em serena fonte da alma,
bulícios alvos
na moldura das palavras
que o olhar deixa soltar
em suspiros de unificação…

Leves são os corpos que amanhecem
neste alvor com os rostos
colados nos vínculos perfumados
de um jardim sempre em flor!

Ana Coelho

Rosas Pictures, Images and Photos




1 comentário:

  1. Amiga Ana Lindo poemas gostei, agora o meu obrigado pelas tuas palavras no meu blog, a vida de vez enquando traz-nos destas supresas em Janeiro perdi o meu sogro agora o cunhado com 49 anos, ja não tinha pais nem sograda, as vezes parece-me que não sei viver sem eles sinto muito a falta das pssoas, é por isso que eu trato as Amigas/0s por belas e eternas doces flores, para mim são como se fossem minha familia, só que depois quanda alguem parte eu choro que nem uma Criancinha. peço desculpa este meu desabafo.
    Um beijo
    Santa Cruz

    ResponderEliminar